Suzuki Jimny, o pequeno guerreiro

 

 

Pequeno no tamanho, mas gigante na valentia, robustez e versatilidade, o Suzuki Jimny segue como um dos melhores jipes para a prática do fora de estrada

Texto e Fotos James Garcia

 

 

 

 

Ainda lembro com perfeição, das primeiras impressões e das voltas iniciais que dei no Suzuki Samurai, na primeira metade dos anos 90. Off-roaders mais “casca grossa” e os incrédulos em geral não demoram a apelidar o pequeno 4×4 de jipe da Barbie, carrinho de playmobil entre outros nomes jocosos e cheios de preconceito.

Não podiam estar mais errados, pois o Samurai, que já se chamava Jimny no Japão – seu país de origem –, era e continua sendo um dos jipes mais bem acertados e já construídos. Há quem diga que se retirassem a carroceria de um Jimny mais antigo e fosse instalada uma do Jeep CJ3A, o encaixe seria perfeito, já que o off-road japonês haveria sido influenciado pelo mítico Willys. Eu não duvidaria disso…

 

 

Com mais de 46 anos de história, o Jimny é feito no Brasil desde novembro de 2012 e continua sendo uma presença constante em quase 200 países e já soma mais de 2.5 milhões de carros vendidos.

Mesmo que o chamem de SUV por aí, o termo correto para um veículo dotado de carroceria sobre chassi + caixa de transferência (normal e reduzida), é jipe. E ponto!

O 4×4 mais barato construído no Brasil, na cidade de Catalão, GO, onde também está a fábrica da Mitsubishi, disponibiliza quatro versões: 4ALL (cidade), 4SUN (praia),  4SPORT (off-road) e o 4WORK, para trabalho e que tem preço sob consulta e é variável de acordo com a lista de acessórios.

 

 

 

 

O visual é harmônico, tem na frente o maior volume, scoop no capô e desenhos do para-choque, para-lama e grade dianteira com perfil mais robusto. As rodas de liga leve aro 15” tem aplicação da cor grafite.

O som inclui rádio AM/FM, CD player e MP3, WMA, USB e Bluetooth. Os bancos possuem diversas configurações, sendo os traseiros bipartidos e rebatíveis com cinco posições.

 

O Jimny foi preparado na oficina especializada 4WG (4 Wheel Garage), parceiros da Gama 4×4

 

O motor é feito de alumínio, 1.3 litros, à gasolina (DOHC), com 16 válvulas, 85 cavalos de potência a 6.000 rpm e torque de 11 kgfm a 4.100 rpm. A corrente de comando, velas de longa duração e escape de aço inox oferecem maior rendimento. O comando variável de válvulas otimiza o torque para todas as faixas de rotação.

Em conjunto com a injeção eletrônica multpoint sequencial, o sistema melhora o consumo e as emissões de poluentes.

Junto ao motor está um câmbio manual de cinco marchas e uma caixa de transferência com tração 4×4 e reduzida, gerenciada eletrônicamente, e um sistema de roda livre pneumática. Para ligar a tração, basta selecionar no controle do painel.

 

Para-choque especial é mais reforçado, tem ângulo de ataque maior e abriga o guincho elétrico

 

 

Opta-se pelos modos 2WD (tração traseira), 4WD (tração nas quatro rodas) e 4WD-L que dobra o torque e garante a saída das encrencas maiores. É possível mudar entre os modos 2WD e 4WD em até 100 km/h.

A suspensão é independente Trilink, com eixo rígido e molas helicoidais.

O conjunto mecânico do Jimny é resistente, flexível e leve (pesa só 1.060 quilos!). O carro tem barras de proteção laterais, coluna de direção retrátil e encostos de cabeça ajustáveis em todos os bancos.

Os freios a disco na frente têm as pinças mais elevadas, o que facilita a passagem em alagados, escoam bem a água e evitam retenção de terra. O freio a tambor traseiro tem válvula sensível a carga (LSVB).

 

Suspensão dianteira do Jimny, que “subiu” quase 6 polegadas (15 cm)

 

A direção hidráulica progressiva é leve nas manobras e firme à medida que a velocidade aumenta. O raio de giro de apenas 4,9 metros é surpreendente é o melhor no segmento, fácil.

 

 

 

 

Como a maioria dos jipes, o Jimny em altura livre do solo de 200 mm, tem capacidade de inclinação lateral de 42º e pode (e deve!) ser equipado com pneus MUD (opcionais) e engates traseiro e dianteiro para facilitar a manobra de carretas. As virtudes do pequeno guerreiro são justamente a soma de sua pequena dimensão (entre eixos curto é uma maravilha no off-road), leveza, confiabilidade mecânica e facilidade em aceitar upgrades. Um ótimo jipe, como já disse e, curiosamente, que não tem concorrentes diretos no mercado nacional. Se você pensou no Troller, esqueça, pois o mesmo é bem maior e tem motor diesel, o que muda tudo. Ou seja, no mercado dos jipes, ainda não tem para ninguém.

 

 

Se o interessado quer opções na hora de escolher, além de cada versão, são seis cores básicas: prata, preto, branco, vermelho, verde Amazônia e verde tropical e seis especiais: amarelo solar, roxo ipê, laranja fun, rosa croma e azul pacífico.

Em maio de 2015, foi lançada a versão Sport, a que mais interessa a quem gosta de off-road.

 

O Jimny original, note a diferença de tamanho em relação a versão customizada…

 

A versão vem com air bag duplo e ABS, traz novos para-choques dianteiro e traseiro. Formados por peças modulares com fixações externas, o projeto foi desenvolvido para facilitar a manutenção, lembrando que o Jimny é único 4×4 que traz de fábrica o engate dianteiro que, por possibilitar visualização frontal, facilita qualquer manobra de carretas rurais ou de Jet Ski, por exemplo.

 

 

Outra novidade é o side step (apoio para o pé) integrado às laterais, à frente das rodas traseiras, que facilita o acesso ao teto para instalação de bagageiros, transportar bikes, pranchas de surf e outros equipamentos. Os frisos laterais, snorkel e flares ganham novo desenho e completam o design do 4×4.

 

Suzuki Jimny 2013 Customizado Gama 4×4

O Suzuki que ilustra essa matéria pertence a Junior Gama, diretor da Gama 4×4, loja de peças, acessórios e artigos off-road e universo 4×4 em geral. O veículo foi comprado para ser utilizado como modelo de exposição da última Adventure Sports Fair, e junto a um Land Rover Series I 1951 e um Jeep Willys CJ5, fizeram enorme sucesso no evento.

O estande da Gama 4×4 na Adventure Sports Fair

Esse Jimny é uma versão Sport e já estava com a suspensão levemente erguida (1 polegada/2,54 cm) e teve a suspensão levantada em 2.1/2″, com lift de suspensão. A carroceria subiu mais 2″ com adição de um kit de body lift. Os sistemas foram todos desenvolvidos pela Gama 4×4 e instalados na oficina 4WG, parceiros de projetos especiais.

Na sequencia o jipe foi calçado com pneus mud da marca Achilles MXT medidas 265 70 R17, montados em rodas de aço, reforçadas, aro 17″ de 8″. Para garantir a estabilidade, o off-set das rodas é negativo (-25).

Bancos San Marino com customização  de cores e logotipo

Do lado de fora completam o visual o snorkel pintado na cor do carro e o bagageiro Thule, providencial para fixação de um bagageiro de teto ou outro tipo de acessório.

Curtiu essa unidade customizada? Para montar algo semelhante, a Gama 4×4 disponibiliza todas as peças e acessórios necessários, entre em contato e saiba como fazer. O resultado, sem dúvida, vale todo os investimento.

Ficha Técnica – Suzuki Jimny

 

Construção: chassi e carroceria

Motor: longitudinal, dianteiro, 4 cilindros em linha, 16

Válvulas/ DOHC

Cilindrada: 1.328cm³

Potência original: 85 cavalos a 6.000 rpm

Torque: 11.2 kgf.m a 4.100 rpm

Alimentação: injeção eletrônica multiponto sequencial

Combustível: Gasolina

Refrigeração: água com reservatório de de expansão

Direção: Pinhão e cremalheira, com assistência hidráulica.

Raio de Direção: 4,9

Transmissão: Câmbio mecânico de cinco velocidades

Tração: Drive Action 4×2 traseira, 4×4 e 4×4 e reduzida, através

de caixa de transferência. Acionamento via seletor instalado no

painel, roda livre pneumática e automática

Suspensão

Dianteira e traseira: sistema independente Trilink, eixo

rígido e molas helicoidais

Freios

Dianteira: discos

Traseiros: tambor com válvula sensível à carga

Rodas: 16”

PNEUS: 235/85 R16”

Dimensões (MM)

Altura: 1.600

Largura: 1.600

Entre eixos: 2.250 mm

Comprimento: 3.675 mm

Ângulo de entrada: 37º

Ângulo de saída: 51º

Vão-livre: 200

Ângulo central (break over): 31º

Peso bruto total: 1.060 kg

Altura mínima do solo: 200

Tanque de combustível: 40 litros